Farmacêutica desenvolve sabonete que não altera o pH da pele e auxilia nos principais tratamentos dermatológicos

A nova fórmula também é ecologicamente correta e grande aposta no futuro da beleza

 

Você sabia que para produzir um sabonete em barra é necessário usar soda cáustica, ingrediente químico com pH altíssimo e que pode prejudicar as condições da pele?

 

Preocupada em solucionar essa questão e a partir de uma série de pesquisas, a farmacêutica Karina Soeiro, que é especializada em manipulação de dermocosméticos, acaba de desenvolver uma nova fórmula de sabonete em barra para tratamentos dermatológicos o Syndet – esse tipo de sabonete tem um pH parecido com o da pele e por isso é mais indicado para tratamentos de doenças dermatológicas. Além disso, o Syndet é o veículo ideal para tratamentos estéticos onde existe a necessidade de se usar e manter ativos em pH baixo como é o caso dos ácidos glicólico e salicílico, uma vez que o sabonete em barra tradicional invibializa este tipo de produto pois só se mantem estável em pH extremamente alto. As matéria primas usadas na produção dos Syndets são muito suaves, com alta compatibilidade com a pele e ainda com princípios ecologicamente corretos. “Economizamos água e usamos menos conservantes ao desenvolver um sabonete em barra, além disso, a sua forma não exige uma embalagem de plástico”, explica Karina Soeiro – fundadora da Apotheka Farmácia de Manipulação.

 

Trata-se de um sabonete medicamentoso para o tratamento das principais doenças dermatológicas e alterações estéticas, unindo a eficácia e beleza ao tratamento dermatológico. “O novo Syndet pode auxiliar em tratamentos como melasma, acne, envelhecimento cutâneo, além de manter o equilíbrio da composição pele reforçando a sua função barreira e de proteção”, completa a especialista.

 

Para pessoas que têm a pele mais delicada, Karina sugere que consulte um dermatologista antes de começar o uso. O produto está à venda no e-commerce da Apotheka: loja.farmapotheka.com.br

Clique e faça
um orçamento